segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Como enviar a moto dos EUA para a América do Sul.

Em minha recente viagem ao Alaska, desejava retornar também de moto. Mas não foi possível. 

Mas como enviar a moto para a América do Sul?

Muitos dizem que, se enviar para o Brasil, teremos muita dificuldade em retira-la da alfândega.... Não chequei essa informação, que acredito não ser totalmente verdadeira. Se a moto está registrada legalmente no Brasil em meu nome, por qual razão a receita a reteria?


Mas preferi não correr o risco e enviei a guerreira, de Los Angeles para Valparaizo, Chile, por via marítima. Escolhi o Chile porque o processo aduaneiro é mais simples, além de estar mais perto de Brasília (8 dias!). Pode ser pra outros locais. Lima, por exemplo. 

O que tem que ser feito?

Primeiro, estando em Los Angeles, com a moto, tem que ir ao US CUSTOMS, com o CRLV e o passaporte, e providenciar a importação para os EUA. O processo leva 5min. Simples. Esse é o documento:


Endereço:

US Customs / CBP - Auto Desk
301 E. Ocean Blvd., 8th Floor
Long Beach, CA. 90802


Com quase certeza pode ser em qualquer cidade. Não precisa ser exatamente nesse local. 

De posse do documento, basta levá-lo, junto com a moto até a empresa, fazer o pagamento e pronto. Deixe a moto e vá embora... A empresa que escolhi foi a DHX. Por indicação. Custo aproximado de 1.300 dólares. Pode ser aéreo também. Mais caro!!

A pessoa de contato na empresa é um brasileiro. A seguir cartão com os dados dele:



É isso. Qualquer esclarecimento complementar estou à disposição. E o Manny também. Super gente fina.

Atualização: Fui informado que outros viajantes não conseguiram enviar a moto através dessa empresa. Não quer dizer que suspenderam o envio. Entre em contato e se informe.

15 comentários:

  1. Caro Celso,
    E quanto ao ao envio do Panamá para Miami . Quanto é como?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enviei através da empresa CargoPack. 1.200 dólares. No mesmo dia, via aérea. http://www.aircargopack.com/

      Excluir
    2. Gláucio, desculpe. Agora que vi meu equívoco. Enviei a moto da Colômbia para o Panamá. Do Panamá para Miami é melhor ir rodando. Muitas atrações pelo caminho...

      Excluir
  2. Me tire uma dúvida: você saiu pilotando a moto do Brasil e foi até o Alasca ???
    Se você saiu pilotando, por que não pode entrar ??
    Desculpe mas não entendi.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, Marcelo. Saí pela Bolívia e fui até Prudhoe Bay, no Alaska. Entrar pilotando, nenhum problema. Como foi uma viagem longa, e que atrasei uns 15 dias do planejado, resolvi enviá-la de avião ou navio. Dizem que para retirar a moto no setor de cargas dos aeroportos ou portos do Brasil, a receita federal coloca muita dificuldade. Não confirmei essa informação e não quis arriscar. Por isso enviei para o Chile.

      Excluir
  3. Ola! O que voce precisou para retirar a moto no porto do Chile? Apenas chegou la com o conehcimento de embarque e document da moto? não foi necessario despachante?
    obrigada,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No próximo comentário… desculpe por não responder na data…

      Excluir
  4. Bom dia Refazendo a pergunta da moça, Quais documentos precisaram para retirar em Valparaiso? Edilson Curitiba Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Documentos da moto, meu passaporte e o documento que recebi lá na transportadora, em Los Angeles.

      Excluir
  5. Tudo certo nessa instrução Celso Muito obrigado. Agora precisaria de um contato aduaneiro para receber a moto no chile, pois o embarque em Miami eu já paguei a JD BROKERS. O contato sugerido não estão mais atualizados, e também acredito que não irão querer realizar o desembaraço em Valparaiso entende. Se voce tiver algum contato no chile fico agradecido. Mais suas dicas foram excepcionais para o rumo de minha solução. Valeu forte abraço... Estou no insta alone_americas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Eu fiz tudo sozinho sem contato aduaneiro. Não achei necessário. ✌🏽
      Obrigado por comentar.

      Excluir
  6. Celso boa noite, completando vosso raciocinio e aproveitando vossa boa vontade, eu lhe perguntaria. Lá no chile para retirar a moto não solicitaram a exportação temporaria da moto que somos instruidos a pegar quando saimos do Brasil?, Porque é isso que me falta para traze-la ao Brasil que realmente não sabia e não retirei. Se não necessita minha situação se normaliza aí, entende Imagina....Valeu. Brigadão de novo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando a moto sai dos EUA, é feita a aduana de saída. E no Chile é feita a de entrada. Não existe esse documento de exportação.

      Excluir
  7. Opaaaa Que alivio.... Muito obrigado mesmo. Forte abraço Celso

    ResponderExcluir

Não é o melhor, mas pode comentar como ANÔNIMO. É a última opção na caixa de comentários [Comentar como]...

Mas se identifique no final da mensagem, para que eu possa saber quem é... Se possível, coloque um e-mail.

Caso contrário, o comentário poderá não ser publicado e, se for, poderá não ser respondido.

Obrigado.