quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

De moto com destino a El Calafate.

Saímos de Rio Gallegos, às 10h20, com destino a El Calafate, com a única pretensão de visitar o Glaciar Perito Moreno.

Chovia. Pouco. Logo que saímos da cidade, parou. E os ventos começaram. Cada vez mais fortes.

A placa sinalizou:

Ventou pra valer. A lei da física era aplicada naturalmente, na medida em que reagia à ação dos ventos, fazendo com que a moto ficasse inclinada cerca de 30º. 

Mas só o vento estava relativamente fácil de seguir. Logo veio a chuva, que não veio sozinha. O frio a acompanhou. E a visão ficou prejudicada seriamente por causa dela. Veja o vídeo no final.

Sinceramente, pensei que não conseguiria. Mas, meu Parceiro de viagem me lembrou que Ele estava comigo. Instantaneamente minhas forças se multiplicaram e consegui chegar até o posto, que era o único local em que era possível parar. Na estrada não tem nada. Nenhum abrigo para descansarmos os braços e ombros àquela altura já doloridos com a força de reação que exercíamos à ação dos ventos e chuva. Abastecemos e seguimos. 

E o vento, presente! Não tenho a menor ideia de qual era sua velocidade. Não sei se para facilitar a reação ou se para chegar logo no destino, a velocidade que eu desenvolvia no momento era de 140km/h. 

Num determinado momento percebi que a ação pior do vento é sobre nosso corpo e não sobre a moto. Mais especificamente sobre a cabeça. Assumi então a posição de pilotos de corrida, aproximando a cabeça do guidom e colocando os pés sobre a pedaleira da garupa. Melhorou muito. Mas a posição incomodava. Mas fica a dica. A posição facilita a pilotagem. 

Chegamos em El Calafate às 14h10. 

Fizemos um pequeno reconhecimento da cidade. Muito bela, como todas até agora. 


E fui ao bar gelado. Pagando-se 100 pesos, cerca de 40 reais, você pode ficar lá dentro cerca de 25 minutos e beber o que der conta. Inclui a van, pois o local fica uns 6km fora da cidade. Muito bacana. Bebi três drinks. Lá conheci um brasileiro, Luis, do Rio. Combinamos de eu tirar as fotos dele e ele tirar as minhas. Me deu preciosas dicas de como viajar gastando pouco. Adquirindo passagens promocionais e hospedando-se em hosteis. Vou fazer isso para experimentar. Parece ser muito bom. 



Jantei e fui dormir. Esqueci de fazer a reserva para o mini trekking no glaciar Perito Moreno. No dia seguinte madruguei e fui até a agência. Consegui. O lugar é fantástico. E frio. 


Depois fui fazer o mini trekking. Caminhar sobre o glaciar. Foram mais de três horas de caminhas, duas delas sobre o imenso bloco de gelo. Gelado... Subidas, descidas, subidas de novo. E as pernas começaram a doer. Foi dureza. Mas sensacional. Para se chegar até ele, é necessário caminhar num lugar cheio de pedras, às margens do Lago Argentino. Veja o vídeo no final.





No final da caminhada, whisky com gelo de milhões de anos. Após três pequenas doses, que aliviaram um pouco o frio voltamos para o hotel, super cansados. 


Gostei. Acho que vou fazer alpinismo...

A volta de El Calafate não teve chuva. Mas o vento aumentou sua força. Se a ida foi difícil por conta da chuva e do frio, a volta, mesmo sem chuva, foi pior. Cansado depois de caminhar ontempor mais de três horas, o vento me pareceu muito mais feroz que na ida. 

Mas consegui. 

Já tinha ouvido falar que o vento castiga. Mas não imaginei que fosse como foi. Mas qualquer um pode fazer. Só não dá pra distrair nem um segundo. É ficar atento durante as 3h30 de viagem, com apenas uma parada para abastecimento obrigatório. O consumo da guerreira foi de 11km/l. Se prestar atenção, vence numa boa. 

Amanhã, 5/12, sigo para o destino pretendido. Ushuaia. Torcendo para que o rípio não esteja muito molhado. Foram 640km de ida e volta até El Calafate.

Que Deus continue comigo.

Pilotando no vento, com chuva e frio. O barulho é do vento mesmo:


Caminhando sobre o Perito Moreno:


Para voltar ao relato da segunda parte da jornada, clique aqui.

8 comentários:

  1. Muito legal!!!!!!!!!! Parabéns, papito!! c certeza será uma viagem inesquecível!!!!

    ResponderExcluir
  2. Linda vaigem. Fevereiro/março estarei por aí. Mande dicas. Meu percurso será na direção oposta à sua.
    Curta muito e pilote com segurança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sérgio, está tudo no blog. Por enquanto em três partes. Roteiro, Viagem até Santiago e de 3, de Santiago até Ushuaia. Você vai adorar.

      Excluir
  3. Hola !!! Desde MFM !!!!Ushuaia

    ResponderExcluir

Se preferir, comente como ANÔNIMO. É a última opção na caixa abaixo [Comentar como]... Mas se identifique no final da mensagem, para que eu possa saber quem é... Se possível, coloque um e-mail. Obrigado.